Maternidade: Tratamentos estéticos na gestação

15:00:00

Alô alô futuras mamães! 

A gestação é um período mágico nas nossas vidas, afinal, gerar um novo ser é algo divino. Mas, junto a esta benção surgem várias dúvidas, principalmente sobre como cuidar do corpo durante este período. Vocês sabiam que é possível recorrer a vários tratamentos estéticos sem prejudicar seu bebê?


Segundo a fisioterapeuta dermatofuncional da Ibramed, Aline Caniçais, antes de fazer qualquer tratamento é preciso cautela. "É sempre indicado conversar com o médico antes de iniciar qualquer tratamento. Assim como existem tratamentos contraindicados, há aqueles que não prejudicam a gestação e favorecem o bem-estar da mãe, auxiliando na diminuição do inchaço e manchas", explica. 

Peeling - (alguns tipos são liberados)

Durante a gestação é comum aparecer inúmeras manchas no rosto, principalmente após exposição ao sol. Existem peelings que não são agressivos à pele, que não descamam ou causam inflamações, apenas fornecendo uma limpeza profunda das células mortas que causam inchaço, manchas e acne, como no caso do peeling ultrassônico. A tecnologia consiste em uma espátula que, ao entrar em contato com a pele, emite uma vibração, que é bem confortável para a paciente e indicado para a pele sensível das gestantes. 

Procedimentos no abdômen, pode?

ATENÇÃO, nenhum equipamento deve ser utilizado nesta área! O único tratamento indicado para o abdômen é a utilização de cremes hidratantes e, desde que sejam prescritos pelo médico. 

Fotodepilação

Ainda que não tenha nenhum estudo que mostre que o equipamento é prejudicial ao bebê, evite! 

Radiofrequência e ultrassom

Não podem ser realizados em nenhuma gestante, independente do lugar da aplicação. Na gravidez, é prejudicial expor a gestante à radiofrequência e tratamentos estéticos de ultrassom. Por segurança, no caso da radiofrequência, é preciso ficar a uma distância mínima de 10 metros de quem estiver aplicando. 

Endermoterapia

A endermoterapia está liberada para as gestantes nas pernas e braços. A massagem é feita na pele através de roletes, feita com movimentos lentos e que promove a mobilização dos líquidos parados, descongestionando, desintoxicando e drenando o tecido. 

Carboxiterapia

Ela pode ser feita, porém, é necessário que a gestante converse com seu médico. O equipamento não tem uma contraindicação, pois o gás utilizado é o mesmo encontrado no corpo. Entretanto, como se trata de uma terapia minimamente invasiva, é importante ter a autorização do médico.



O melhor e mais completo conteúdo sobre saúde, dietas, treinos, suplementação alimentar e muito mais você encontra na Revista SuplementAção!

Posts relacionados

0 comentários

Comentários
0 Comentários

>